Quarta-feira, 26 de Setembro de 2007

A licenciatura de Sócrates e o desemprego dos licenciados

1. O Público na sua cruzada relacionada com a licenciatura de Sócrates - não quero de maneira nenhuma defender quem quer que seja - volta a insistir numa tecla absurda (e fá-lo pela enésima vez): a emissão de certificados com meses de atraso e a sua entrega posterior à matrícula numa nova universidade. Eu aqui perante o mundo admito que o fiz três vezes no meu percurso académico, numa das vezes até com uma universidade estrangeira. Ignorar que isto é uma prática corrente no mundo académico (porque se assume a boa fé das pessoas), é deturpar os factos com objectivos sensacionalistas ou pior desconhecer totalmente o mundo académico. Há ainda as hipóteses de os jornalistas do Público não serem licenciados ou de terem todos estudado numa super-faculdade idílica onde a burocracia não exista.

2. O DN escreve hoje na capa que o desemprego só aumentou entre os licenciados, em mais um exemplo do enviesamento dos números que é feita há muitos anos pela imprensa portuguesa. E é especialmente grave que o faça porque afecta o desenvolvimento do país ao passar a mensagem que o "canudo" não serve para nada.
O DN baseia então a sua conclusão no facto de o número de desempregados no mês específico de Agosto de 2007 e num período específico (desde Agosto de 2006) - e sublinho a especificidade porque há sempre flutuações - o número de licenciados inscritos no IEFP ter subido, ao invés dos trabalhadores com outra formação. Ora isto não prova que a PERCENTAGEM de licenciados no desemprego tenha aumentado. Se houve um aumento do número total de licenciados no mercado de trabalho, pode até ter havido uma diminuição (obviamente em percentagem que é o que importa) do desemprego neste sector da mão-de-obra.
Atenção: não estou a dizer que a notícia é falsa, apenas que não apresenta minimamente dados que a sustentem. E como não é a primeira vez que se tomam conclusões erradas a este respeito, o pente-fino fica emaranhado.
Principais Tags: , ,
publicado por Miguel Carvalho às 09:31
link do post | comentar | favorito

Autores

Pesquisa no blog

 

Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts Recentes

O DN a começar o ano em p...

Os conhecimentos mais bás...

Que nome bué da louco, "h...

Para bom observador, meia...

O Luís Reis Ribeiro preju...

Um título, dois erros

Bomba Atómica: o Dinheiro...

O Público anda com a cabe...

Uma pequena história

Verificar fontes é para i...

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Principais Tags

correio da manhã(13)

desemprego(15)

diário digital(24)

diário económico(9)

dn(82)

economia(65)

estatísticas(22)

expresso(26)

inflação(13)

lusa(15)

matemática(12)

percentagens(26)

público(102)

publico(9)

rigor(9)

rtp(20)

rudolfo(16)

salários(10)

sensacionalismo(135)

sic(11)

todas as tags

Contacto do Blogue

apentefino@sapo.pt

Outros Blogs

subscrever feeds