Terça-feira, 25 de Dezembro de 2007

É a crise

No primeiro caderno do Expresso do último Sábado: "Natal: crise não afecta consumo". Estes senhores nem se preocupam em definir o que entendem por "crise". Há crise e acabou. E se há crise deveria haver menos consumo. Só que, mistério dos mistérios, há crise mas não há diminuição do consumo. Muito confuso, não acham? Não me parece. Se o PIB real aumentou no último ano, porque razão não haveria o consumo de aumentar também!? Para as jornalistas do Expresso, isto deve ser difícil de entender. É a crise...

Mas a parte mais gira do artigo é a das perguntas a Luís Belo, suposto especialista na matéria. Perguntam as jornalistas porque razão as famílias portuguesas gastam apenas mais 1.4% do que em 2006 enquanto a média europeia cresceu 3%. Resposta de Luís Belo: "O desejo de gastar é limitado pelo reduzido poder de compra, para o qual contribuem factores como aumento do preço dos combustíveis, dos produtos alimentares e a subida das taxas de juro...". Reparem bem: as compras de natal cresceram em Portugal menos do que na União Europeia porque em Portugal aumentou o preço dos combustíveis (então e nos restantes países da União?), dos produtos alimentares (então e nos restantes países da União?), e do dinheiro (então e nos restantes países da União?). Enfim.

Principais Tags: ,
publicado por Pedro Bom às 19:06
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Miguel Carvalho a 26 de Dezembro de 2007 às 16:22
O senhor especialista também é bem engraçado quando defende que a diferença na VARIAÇÃO do consumo se deve ao baixo NÍVEL do poder de compra... O conceito de percentagem é provavelmente estranho para o senhor.
E salvo o erro (só li as letras gordas dessa notícia) esses 1,4% eram o valor declarado pelos consumidores.. Sabendo como o português é mais pessimista do que a realidade, esses 1,4% não tem qualquer interesse.. Interessante é ver a variação de transacções no MB

Comentar post

Autores

Pesquisa no blog

 

Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts Recentes

O DN a começar o ano em p...

Os conhecimentos mais bás...

Que nome bué da louco, "h...

Para bom observador, meia...

O Luís Reis Ribeiro preju...

Um título, dois erros

Bomba Atómica: o Dinheiro...

O Público anda com a cabe...

Uma pequena história

Verificar fontes é para i...

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Principais Tags

correio da manhã(13)

desemprego(15)

diário digital(24)

diário económico(9)

dn(82)

economia(65)

estatísticas(22)

expresso(26)

inflação(13)

lusa(15)

matemática(12)

percentagens(26)

público(102)

publico(9)

rigor(9)

rtp(20)

rudolfo(16)

salários(10)

sensacionalismo(135)

sic(11)

todas as tags

Contacto do Blogue

apentefino@sapo.pt

Outros Blogs

subscrever feeds