Quarta-feira, 27 de Fevereiro de 2008

Que dia extraordinário, só recordes

Ao abrir o Diário Digital:
Preço dos cereais bate record.
Preço do petróleo bate record.
Preço do Euro bate record.

Eu já nem peço um "bocadinhozinho" de noções do funcionamento da economia. Apenas um minimozinho de espírito crítico. Não será que estes recordes todos se devem à desvalorização do dólar, e não à valorização destes produtos todos??

Adenda: Não estou com isto a querer dizer que o petróleo e os cereais não estejam a ficar mais caros (em euros inclusive) no médio prazo, mas quando estes recordes - que quase por definição são eventos raros - acontecem todos ao mesmo tempo é de desconfiar do que está por detrás deles.
Principais Tags:
publicado por Miguel Carvalho às 10:50
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De pedro melo a 27 de Fevereiro de 2008 às 12:03
o dollar baixar tambem não baixa o preço dos produtos?...
De Miguel Carvalho a 27 de Fevereiro de 2008 às 15:55
Não sei se percebi a dúvida.
Os records acima referidos são medidos em dólares.
De Rui a 29 de Fevereiro de 2008 às 16:01
Só um pequeno comentário, Miguel. É verdade que a desvalorização do dólar contribui para a subida do preço destes produtos. Mas não é de todo a única razão - e porventura nem sequer a mais importante. À excepção do euro, claro.
As subidas do preço do petróleo e dos cereais têm factores subjacentes reais, quer do lado da procura quer do lado da oferta. E alguns até correlacionados. Por exemplo, grande parte do aumento da procura de milho é para produção de biocombustível que se torna mais interessante à medida que o petróleo fica mais caro.
De Miguel Carvalho a 29 de Fevereiro de 2008 às 16:25
Rui, claro que sim. O comentário é bem pertinente.
Eu não queria de modo nenhum atribuir as variações todas ao dólar, daí ter acrescentado um comentário meu ao post (no fim) umas horas depois de o ter escrito, onde digo que há uma subida real.

Se calhar o post é pouco explícito (talvez por não ser o primeiro sobre isto), mas o que queria apontar é o erro de se tomar o valor em dólares como referência, especialmente num dia em que o seu valor bateu um record mínimo face ao euro e chegou a um valor bem baixo face ao yen.

Comentar post

Autores

Pesquisa no blog

 

Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts Recentes

O DN a começar o ano em p...

Os conhecimentos mais bás...

Que nome bué da louco, "h...

Para bom observador, meia...

O Luís Reis Ribeiro preju...

Um título, dois erros

Bomba Atómica: o Dinheiro...

O Público anda com a cabe...

Uma pequena história

Verificar fontes é para i...

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Principais Tags

correio da manhã(13)

desemprego(15)

diário digital(24)

diário económico(9)

dn(82)

economia(65)

estatísticas(22)

expresso(26)

inflação(13)

lusa(15)

matemática(12)

percentagens(26)

público(102)

publico(9)

rigor(9)

rtp(20)

rudolfo(16)

salários(10)

sensacionalismo(135)

sic(11)

todas as tags

Contacto do Blogue

apentefino@sapo.pt

Outros Blogs

subscrever feeds