Sexta-feira, 31 de Outubro de 2008

Doidas, doidas, doidas, andam as galinhas

Hoje no DN, o alarme aviário: "Frango que está à venda tem bactérias perigosas"!

 

E reza assim o início desta pirotecnia jornalística: "esmagadora maioria (96%) dos frangos à venda no mercado nacional tem bactérias, três das quais "podem causar infecções graves", conclui um estudo da Pro Teste, revista da Deco. Os técnicos analisaram 69 amostras de frango (...)"

 

Então mas a intenção é informar ou fazer-nos deixar de comer canja?

 

Não acham importante, antes de escrever estas coisas, perguntar como raio conduziu a Deco este estudo? Quem nos garante que os 69 pedaços de carne -- entre "hambúrgueres, asas, pernas e coutos [sic] de frango" -- que estavam "à venda em estabelecimentos de Lisboa e Porto", representam o mercado nacional? (no site da Deco não é possível, infelizmente, aceder ao estudo)

 

Se isto não é exagero e alarmismo, dado o que nos é dado saber quanto à amostra, então eu posso aqui anunciar, baseado em algumas amostras pessoais que me provocaram alguns desarranjos, sem qualquer problema, que:

 

- o peixe que está à venda tem bactérias perigosas, com excepção para o atum

- o chouriço de sangue, a alheira e a morcela preta têm bactérias perigosas

- as pataniscas de bacalhau, as bifanas a la roulotte, e as farturas têm bactérias perigosas

 

(...)

 

 

publicado por Carlos Lourenço às 09:02
link | comentar | ver comentários (5) | favorito
Quarta-feira, 5 de Março de 2008

Ontem nevou em Portugal mas não na Islândia, o que contraria a ideia de que a Islândia é mais fria

Como o Óscar antevia aqui, esta "onda de crimes" levou a uma "onda de disparates" por parte dos jornalistas, políticos e afins. A capa do DN de hoje referente a um texto de Ana Mafalda Inácio e Tiago Melo, apesar de tentar pôr alguma água na fervura, é disso um exemplo:
"Onda de homicídios contraria queda de 30% no ano passado"

1. É um absurdo chamar onda de homicídios a actos isolados e independentes, pura e simplesmente porque aconteceram todos em períodos curtos. Segundo a notícia nos últimos três anos o número de homicídios foi de 133,194 e 135, o que é baixo em termos europeus. Fazendo uma pequena simulação onde assumo que a criminalidade é constante ao longo dos anos, conclui-se que em 71% dos anos há períodos de pelo menos 5 dias consecutivos com homicídios, e em 36% dos anos períodos com pelo menos 6 dias consecutivos com homicídios. Ou seja estes picos são mais que banais, não fazendo sentido chamar-lhe "onda".

2. Sendo altamente prováveis, não contrariam absolutamente nada, como o título faz crer, porque não indicam de modo nenhum um aumento do nível de crime. Mais, é também altamente provável que um ano tenha mais dias com homicídios consecutivos do que outro ano, e mesmo assim ser mais seguro (ter muito menos homicídios ao fim do ano).

3. A queda de 30% nem sequer pode ser "contrariada" porque o número de homicídios não é decretado por lei, é sim um processo aleatório. Logo é normal que varie bastante de ano para ano (como os números o mostram), não fazendo por isso sentido atribuir alguma importância a estas variações anuais.

Nota da simulação: Processo de Poisson para cada dia do ano, de modo a que a média anual seja 154. Poisson supõe de facto independência quando na realidade há alguma correlação entre dias consecutivos (homicídios múltiplos ou viganças, por exemplo). Além de complicar as contas, incluir esta correlação só aumentaria ainda mais a probabilidade de haver "ondas de homícios".
publicado por Miguel Carvalho às 15:01
link | comentar | ver comentários (2) | favorito

Autores

Pesquisa no blog

 

Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts Recentes

Doidas, doidas, doidas, a...

Ontem nevou em Portugal m...

Arquivo

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Principais Tags

correio da manhã(13)

desemprego(15)

diário digital(24)

diário económico(9)

dn(82)

economia(65)

estatísticas(22)

expresso(26)

inflação(13)

lusa(15)

matemática(12)

percentagens(26)

público(102)

publico(9)

rigor(9)

rtp(20)

rudolfo(16)

salários(10)

sensacionalismo(135)

sic(11)

todas as tags

Contacto do Blogue

apentefino@sapo.pt

Outros Blogs

subscrever feeds